A mulher de Sagitário

0
107

Quem é o ser de #Sagitário, muitos podem se perguntar, mas como reunir apenas um punhado de palavras para definir esse ser? Não vou ser arrogante de dizer que esse texto tem o objetivo de significar o que é uma #Sagitariana, na verdade, esse texto é apenas um ponta pé inicial para que você mesmo reflita sobre esse indivíduo.

Ela não precisa de ninguém ao seu lado para lhe dizer o que fazer ou quando fazer, pois ela é a pessoa mais proativa que você conhecerá. Ela trabalha todos os dias para construir o seu castelo, vai edificando cada detalhe do jeito que ela quer. É ela sozinha responsável pelo seu próprio sucesso.

Essa mulher aprendeu desde cedo o valor do seu trabalho, e gosta de manter-se sempre a par do que está ao seu redor. Ela é antenada e culta, é forte e delicada, é inteligente e sábia, ela é poderosa e tem opinião própria e é cheia dos argumentos.

Ela se gosta e se cuida, acorda cedo para correr ou ir para academia, gosta ir ao salão e fazer o serviço completo, é elegante que só e faz questão de o ser. Gosta das roupas sempre limpas e bem ajeitadas, quando passa uma maquiagem brinca de seduzir no espelho, e como seduz. Dá para sentir o seu cheiro a um quilômetro de distância.

Essa mulher está sempre valorizando o que importa, ela coloca em primeiro lugar as pessoas, sem esquecer também a importância das coisas, ela é equilíbrio e harmonia. Ela abraça e dança a com quem quiser. Ela não sofre porque algo não vai bem, talvez quem sabe derrame uma ou duas lágrimas antes de voltar a lutar.

No amor, se coloca em primeiro lugar, e por isso que consegue tanto amar o outro, deixa claro que não precisa dele, que está com ele por escolha própria não pela imposição de alguém, e ele se sente a pessoa mais especial do mundo. Porque relacionamentos são feitos de escolhas.

Ela se dá o valor que a sociedade não é capaz de dar, ela se valoriza o tanto que a sociedade não consegue valorizá-la, ela se ama o tanto que ninguém é capaz de amá-la e por isso ela é luz e felicidade, que toma emprestado o “M” de maior e cria sua própria palavra, “M” só se for de mulher!

Deixe seu comentário